Tendências de sustentabilidade e lucros na Arquitetura

Cada vez mais, a sustentabilidade está se tornando um requisito ao invés de apenas uma característica desejável, e sua busca certamente afetará tanto o processo de construção quanto o próprio ativo construído.

O setor da construção produz uma enorme quantidade de resíduos, portanto, quanto mais eficiente o uso e reciclagem de matérias-primas, mesmo uma pequena melhoria, oferecem enormes benefícios potenciais. Outras novas prioridades estão surgindo consequentemente, incluindo a otimização do espaço, por exemplo, e garantindo métodos mais eficientes de aquecimento, refrigeração e iluminação. A indústria está cada vez mais fazendo uso fora da rede ou fontes de energia distribuídas, como energia eólica, geotérmica painéis solares e de energia em telhados.

O setor também precisa atender às crescentes preocupações sobre riscos naturais (principalmente inundações, furacões e terremotos) e para aumentar a resiliência. Então, nova ênfase está sendo colocada na criação de soluções para mitigar riscos, especialmente em áreas urbanas com alta densidade populacional.

Finalmente, a indústria deve se engajar contra o crescimento ameaças à segurança cibernética. Sem dúvida, muitos benefícios importantes emergirá da convergência da Web, nuvem e plataformas móveis, bem como a Internet das Coisas (IoT), mas a vulnerabilidade aumentará também – particularmente em um setor tão descentralizado quanto a indústria da construção, com muitas partes interessadas envolvidas. Portanto, o imperativo de proteger o setor contra ameaças sem interromper os negócios inovação e crescimento nunca foram tão grandes.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*